quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

"Paquistão"

Paquistão



"Além dos últimos atentados com carros-bomba e retaliações militares americanas, por ser um dos países com maior número de mulçumanos do planeta e preocupação mundial por causa de suas redes terroristas, o Paquistão é o alvo de nossas orações do Atos Hoje desta semana."

Localização: Sul da Ásia.
Capital: Islamabad.
Idiomas: urdu (oficial) e inglês.
Religião: islamismo96%; outras 4%.

Paquistão e o contexto espiritual:
- Uma república islâmica, com uma das nações com o maior porcentual de mulçumanos do mundo e que ainda adota uma política de “islamização” do sistema legal, da vida pública e discriminação contra todas as minorias religiosas mulçumanas ou não-mulçumanas. É assim que podemos definir o cenário do país desde antes da sua independência em 1947, até os dias de hoje. Islamismo esse que prejudicou muito a economia e as condições de vida da sociedade. Esse desarranjo gerado pelo islamismo pode ser verificado na suplantação dos direitos constitucionais das mulheres e das minorias, na subversão do judiciário e ocasionando medo e violência à população. O incentivo à rede de escolas islâmicas está minando a futura geração com o ódio pela Índia, pelo Ocidente e pelos cristãos, e motivando a disposição de morrer lutando pelo Islã.

-Para manutenção da conduta islã o Paquistão implantou a lei sharia que está sendo cada vez mais aplicada, até mesmo para os cristãos e hindus. A lei que fora implementada de forma parcial causou um terrível impacto nas minorias, além de transgredir a constituição. Com a lei sharia foi instaurada a sentença de morte e prisão perpétua para quem desonre o Alcorão (livro considerado ‘sagrado’ pelos islâmicos, como a Bíblia para os cristãos). Essa lei tem contribuído
para a instauração de um regime judiciário injusto, antidemocrático, discriminatório e de uma força policial que não aplica as leis de forma parcial.

- Devido à lei sharia os cristãos que vieram de origem mulçumana estão sob forte ameaça. É bem provável que existam milhares de crentes em segredo, mas somente um pequeno número de pessoas aceita Cristo como seu Senhor e Salvador. Dessa forma, oprimidos pela perseguição e pela blasfêmia, poucos se identificam abertamente como cristãos, porque isso os levaria ao martírio.

- Depois de 50 anos de desgoverno um dos principais problemas que o país enfrenta hoje é a corrupção. O Paquistão necessita de um governo que pratique verdadeiramente a democracia. Reflexos desta precariedade política podem ser verificados no baixo desenvolvimento do país, na fraca economia e no desvio das verbas sociais para a manutenção militar e de sedes terroristas.

- Fora o contexto espiritual que por si só já é bastante preocupante, o Paquistão está sofrendo vários atentados com carros-bomba e ataques dos Estados Unidos, sendo que, os dois últimos, aconteceram no mês corrente. No dia 15, com a explosão de um carro-bomba, em Dera Ghazi Jan, região central do Paquistão, pelo menos 18 pessoas morreram e 35 ficaram feridas. Não há comprovação de quem seja o responsável pelo ataque, mas a região é fortemente atacada pelo
Talibã, aliada da rede terrorista Al-Qaeda. Já a retaliação americana ocorreu no dia 17, em que pelo menos 12 pessoas morreram por causa de dois ataques com mísseis contra a zona tribal do noroeste do Paquistão, também reduto dos talibãs. Oremos, pois, pelo território paquistanês e pela sua salvação.

Paquistão é o alvo das nosas orações.

Oremos:

- Para que a ideologia islâmica seja desacreditada e que sua influência seja quebrada.
- Pela anulação da legislação discriminatória, especificamente a lei da blasfêmia e por um sistema judiciário justo.
- Pelos líderes cristãos que estão envolvidos na obra do Senhor para que estejam protegidos dos ataques e das perseguições dos mulçumanos.
- Para que os grupos de pessoas que ainda não confessaram a Cristo sejam alcançados.
- Pela paz no país, para que cesse a violência e os atentados, e que os grupos terroristas sejam desfeitos.
- Pela proteção e frutificação do trabalho dos obreiros, e que oportunidades sejam geradas para alcançar as regiões que não conhecem ao Senhor.
Deus abençoe.
Paz do Senhor Jesus!!!

Um comentário:

  1. o paquistao precisa de nossas orações, é um país escravo de satã.

    ResponderExcluir