sábado, 2 de janeiro de 2010

"Os Dons: (Romanos 12: 6-8)"

Os Dons


(Romanos 12: 6-8)



Paulo mais uma vez diz com todas as letras o que pode ser chamado os dons da graça. Eles são desejos ou disposições internas assim como capacidades ou habilidades (Filipenses 2: 13) dados pelo Espírito Santo aos indivíduos na igreja para desenvolver o povo de Deus e expressar o amor de Deus pelos outros (1 Coríntios 12: 1; 1 Pedro 4: 10). Cada crente no corpo de Cristo tem certos dons. Deus deu a alguns o dom da profecia para capacitar um crente a trazer uma revelação diretamente sob o impulso do Espírito Santo. Servir é o desejo e o poder dado por Deus para dar assistência prática aos membros e líderes da igreja para ajudá-los a realizar suas responsabilidades com Deus (Atos 6: 2-4). Ensinar é o desejo, habilidade e poder dado por Deus para proclamar as palavras de Deus de tal maneira que ensina o coração, a consciência e a vontade dos ouvintes, estimula a fé e produz um comprometimento mais profundo com Cristo e mais ânimo através da separação do mundo (Atos 11: 23, 14: 22, 15: 30-32, 16: 40, 1 Coríntios 14: 3, 1 Tessalonicenses 5: 9-22, Hebreus 10: 24-25). Liderança é o desejo, habilidade e poder dados por Deus para guiar e supervisionar as várias atividades da igreja para o bem espiritual de todos (Efésios 4: 11-12, 1 Timóteo 3: 1-7.17.24). Mostrar misericórdia é o desejo, habilidade e poder de Deus para ajudar e confortar aqueles em necessidade ou desgraça (Efésios 2: 4).
Deus nos deu dons de acordo com a graça que nos foi dada a fim de desenvolver a sua igreja. Para usar esses dons efetivamente nós precisamos:
1. Compreender que todos os dons a nós conferidos vêm de Deus.
2. Compreender que nem todos têm os mesmos dons.
3. Saber quem nós somos e o que nós fazemos melhor.
4. Dedicar os nossos dons ao serviço de Deus e não para o nosso sucesso pessoal.
5. Estar disposto a usar nossos dons de todo coração, não retendo nada do serviço de Deus.
Os dons espirituais que nós recebemos não são apenas para nos beneficiar, mas também para o bem de outros. Como crentes, nós somos desafiados a viver no mundo não como pessoas confusas e inúteis, mas nós devemos fazer bom uso dos dons, talentos e habilidades que Deus nos deu para beneficiar todos no corpo de Cristo (a Igreja). Exemplo: Trabalhar juntos para cuidar das vítimas de HIV/AIDS, organizar programas de reabilitação para jovens afetados pelas drogas, desastres naturais, violência em todas as formas, e também dar a eles a oportunidade de participar e educar pessoas de todos os níveis em como ser pessoalmente úteis. Compartilhar nossos talentos dados por Deus fortalece a nossa unidade cristã no corpo, erradica a pobreza e melhora as situações em desvantagem.


Deus abençoe!!!


Paz do Senhor Jesus!!

Um comentário:

  1. A Paz do Senhor;

    Primeiramente quero parabenizá-la pelo seu apreço pela Palavra do Senhor, e também como pela mensagem sobre os dons. Muitos ingnoram os Dons e não os buscam mais, porém ainda existem os sedentos por Deus que sempre desejam mais do Todo Poderoso.... Prossiga para o alvo pois a recompensa virá em tempo oportuno.

    em Cristo ;

    Ev. Anderson Araújo.
    Blog Plenitude da Graça.

    ResponderExcluir